O CIAJG reúne peças oriundas de diferentes épocas, lugares e contextos em articulação com obras de artistas contemporâneos, propondo uma (re)montagem da história da arte, enquanto sucessão de ecos, e um novo desígnio para o museu, enquanto lugar para o espanto e a reflexão. O ciclo expositivo que agora se inicia marca o lançamento da programação regular do CIAJG para 2014. Nestas exposições convivem artistas de diferentes gerações, que partilham processos e abordagens, nomeadamente ao nível da produção da imagem, já não entendida enquanto original mas realizada por contacto ou por transferência, a partir de uma matriz, de forma indireta ou em negativo. Contacto, no duplo sentido do termo: como abertura ao outro, ao estranho e ao diverso e como impregnação, porosidade, contaminação ou mestiçagem.
 
21 janeiro a 13 abril
(...)
 
25 janeiro a 13 abril
(...)