Escultura em pedra
 Inicio | Anterior | Pag.9/14  | Próxima | Última
Escultura em pedra
Mixteca (México)
1200 – 1518 d.C.
Pedra
27 x 16 x 14 cm

A dualidade entre a vida e a morte que esta peça parece querer exprimir está presente em muitas culturas do México pré-hispânico, tornando-se especialmente presente nas culturas tardias, imediatamente anteriores à chegada dos espanhóis. A morte, que habitualmente é expressa através de caveiras e corpos descarnados, como neste caso, está além do mais pintada de vermelho, acentuando o contraste entre as duas metades. Não restam dúvidas sobre a função ritual desta imagem, que deve ter desempenhado um importante papel no contexto religioso para o qual foi concebida e realizada. Ainda hoje a morte permanece uma referência cultural do México, e o chamado Dia dos Mortos (1 de Novembro) é uma festividade em que a nota dominante é o sincretismo religioso entre as tradições pré-colombianas, como a desta peça, e o contributo cristão.