A programação para o ano de 2019 realiza-se sob o mote “Resgatar a Diversidade”, entendida, de forma alargada, enquanto ecossistema conceptual, e integra um amplo e diverso conjunto de propostas.

No dia 23 de fevereiro, às 18h00, o CIAJG inaugura o novo ciclo de exposições dedicado ao Pensamento Ameríndio, que integra Variações do Corpo Selvagem: Eduardo Viveiros de Castro, Fotógrafo, com curadoria de Veronica Stigger e Eduardo Sterzi, Carõ: Multidões da Floresta, uma exposição de João Salaviza e Renée Nader Messora, Clareira de Manuel Rosa e A Morte de Ubu de João Louro. A inauguração das exposições será precedida por uma conferência de Eduardo Viveiros de Castro, pelas 16h00, no auditório da Sociedade Martins Sarmento.