Lábios de Flamingo
 Inicio | Anterior | Pag.11/73  | Próxima | Última
Lábios de Flamingo
29 junho a 12 agosto 2018


Em 1947, o escritor e homem de cultura André Malraux publicou Les Voix du Silence (As Vozes do Silêncio) – edição que, em 1963, viria a ser revista e aumentada –, onde reuniu, sem ordenação cronológica ou estilística, um conjunto de ilustrações de obras de arte que cobriam um extenso período, desde a pré-história até à época contemporânea.
Este livro, que viria a tornar-se numa das mais luminosas e influentes reflexões sobre o papel do museu na redefinição do estatuto e da interpretação das obras de arte, abriu, na esteira do Atlas Mnemosyne de Aby Warburg, um imenso campo de possibilidades combinatórias que conduziram a uma reconsideração – para não dizer desconsideração – da influência do tempo histórico sobre a produção artística.
Lábios de Flamingo é o Museu Imaginário dentro do Museu – como se de todos os museus do mundo para aqui afluíssem todas as obras de arte que imaginámos um dia ver reunidas. Numa época em que a migração das imagens se tornou tão comum, quisemos criar um observatório, um lugar da imaginação de onde pudéssemos olhar para um conjunto de imagens, que na sua grande maioria nos são familiares, e voltar a pensar sobre elas.
Para tal, definimos um conjunto de temas, mais ou menos transversais, que são o mote para reunir imagens das mais variadas proveniências e épocas, que, em conjunto, nos permitem viajar pela imaginação através do tempo e do espaço – como se entrássemos numa máquina de atravessar o tempo à velocidade da luz.
A luz que vem dos retroprojetores, dispositivos que reenviam inelutavelmente para as salas de aula de antanho, onde e quando as aulas de história da arte eram uma espécie de caverna de onde surgiam imagens mágicas – mágicas como se as víssemos pela primeira vez. E as reconhecêssemos.

29 junho a 05 julho
O RINOCERONTE DO SENHOR DURERO

06 a 12 julho
PODE A ESCULTURA MUDAR O MUNDO?

13 a 19 julho
ENTRE O MUSEU E O MERCADO, ESCOLHO O MERCADO  

20 a 26 julho
EU NÃO SEI DESENHAR

27 julho a 03 agosto
KARAWANE
JOLIFANTO BAMBLA O FALLI BAMBLA

04 a 12 agosto
OS SELVAGENS