GUIdance
Westway LAB
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
GUIdance
Westway LAB
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
GUIdance
Westway LAB
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
menu logo
main logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
main logo
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Cabeça de Rainha
Reino do Benim, Nigéria

Bronze

58 x 19 x 26 cm

Situado no sul da Nigéria, o Reino do Benim, fundado no século XIII, era uma das maiores potências da África Ocidental pré-colonial. A arte da corte do Benim caracteriza-se pela representação dos dignitários com as suas insígnias e posições hieráticas. A idade de ouro deste reino foi o século XVI, que corresponde a um período de expansão territorial e ao apogeu desta arte, que beneficiava da importação de grandes quantidades do bronze através do comércio com os europeus. Esta relação está particularmente documentada nos bronzes e marfins, matérias nobres e preciosas reservadas às artes da corte. O estatuto da rainha mãe foi criado no início do século XVI pelo rei Esigie, em homenagem à sua mãe Ídia, entendida conselheira política, passando desde então a integrar os altares dos ancestrais. Durante as festividades de sucessão do rei, o herdeiro mandava fazer uma cabeça em bronze do seu antecessor.

Plankensteiner, Barbara (2008) Bénin - Cinq siécles d’art royal, Musée Quai Branly, Paris, p. 2; Bem-Amos, Paula (1979) L’Art du Bénin, Hong Kong, Rive Gauche Productions.
Image