Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
menu logo
menu logo
main logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
main logo
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Voltar

Fetiches Nkisi nkondo
Kongo, Congo

Madeira, pregos, lamelas de ferro e resinas

38 x 63 x 36 cm

Não sendo a imagem de um espírito, o aspecto do nkisi convoca as suas capacidades e propósitos. Segundo o pensamento Kongo, a terra dos mortos fica “do outro lado das águas” ou na floresta onde se enterram os mortos, para os quais os animais selvagens são o seu “alimento”. O cão, sendo um animal doméstico, não é como os demais um alimento para os homens, mas ajudam-nos na caça aos animais selvagens - uma distinção que faz dele um dos mediadores entre mundo dos vivos e dos mortos. Diz-se então dos cães que têm “quatro olhos”, e que no caminho para a terra da morte os humanos passam por uma aldeia de cães; o nikisi kozo é simultaneamente a visualização desse estatuto e estado singulares. As substâncias poderosas deste nkisi encontravam-se no dorso do cão.

MacGaffey, William in Phillips, Tom ed. (1995), Africa: The art of a continent, Munique - Nova Iorque, Prestel, p. 244.
Image