Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
menu logo
menu logo
main logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
main logo
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

HALL E PISO -1

José de Guimarães • Manifestos

Image

Curadoria Marta Mestre


Uma tetralogia de palavras e esculturas interventivas.

Os manifestos, em geral, caracterizam-se pelo uso de um tom interventivo, que espera definir um novo campo de possibilidades. Ao cruzar a palavra, a sonoridade e a construção visual, veiculam mensagens de mudança e exortação. Diante de uma determinada realidade, antecipam outros futuros. José de Guimarães (n. Guimarães, 1939) realizou três manifestos em momentos distintos da sua vida e obra: “Arte Perturbadora”, em 1968, “A Ratoeira”, em 1984, e “Esta Cultura faz-nos Velhos”, em 1999. A estes junta-se o “Quasi-Manifesto”, realizado agora em 2022, a convite do CIAJG. Juntos formam uma tetralogia que afirma a palavra do artista diante das convenções do mundo.


O arco temporal dos Manifestos de José de Guimarães expressa, de forma lapidar, o nosso país e as suas contingências históricas. Desde o tom de insurgência das “vésperas” da revolução, até ao advento da vigilância big-brotheriana dos anos 80, passando pelos monopólios do sistema de artes, para chegar a uma mensagem de futuro para os tempos sombrios do presente.


Ir para outras exposições do ciclo ➞

Image

Esta exposição integra o programa do centenário do nascimento da artista Salette Tavares (1922-2022)

TODAS AS IDADES

Image

TODAS AS IDADES

Voltar